Boletim - Agosto 2017

Fundação Energia e Saneamento

Memória



Projeto realizado no acervo aerofotogramétrico da Fundação visa disponibilizar base geo-histórica do Estado a geógrafos e demais pesquisadores


SP vista de cima: fotos aéreas da Fundação Energia e Saneamento


Dentre a vasta documentação iconográfica da Fundação Energia e Saneamento, que reúne mais de 260 mil itens, destacam-se conjuntos de aerolevantamentos da antiga companhia de energia Light, realizados a partir da década de 1920 em diferentes regiões do Estado de São Paulo. O aerolevantamento consiste em um conjunto de operações executadas por meio da instalação de equipamentos em uma aeronave para a obtenção de informações da parte terrestre, aérea ou marítima de um território. No caso da aerofotogrametria, utilizam-se aviões para a tomada fotográfica.

As mais de 26 mil imagens aerofotogramétricas do acervo da Fundação, do Fundo Eletropaulo, que totalizam uma área recoberta de aproximadamente 45 mil quilômetros quadrados, muitos deles ultrapassando os limites do Estado, se destacam por terem se transformado em registros histórico-geográficos das modificações na paisagem de São Paulo, como o trabalho de aerolevantamento realizado no Rio Pinheiros, a partir de 1928, pelo aviador inglês George Nelson-Smith.

Os registros de Nelson-Smith apresentam a sinuosidade original do Rio Pinheiros antes das obras que visaram o aumento da capacidade de geração de energia da Usina Henry Borden, de Cubatão, a partir da década de 1930, e que resultaram na retificação e reversão do Rio Pinheiros, na formação do Reservatório Billings, e na construção das usinas elevatórias de Pedreira e de Traição. À época, a construção de tais estruturas objetivou a atender à crescente industrialização e consequente aumento de demanda por energia elétrica na Capital.

Como forma de disponibilizar este rico material de pesquisa, a Fundação Energia e Saneamento tem executado ações de conservação nos documentos. Com supervisão de Luciana Amaral, especialista em organização e conservação de acervos, os procedimentos incluem a higienização, o reacondicionamento e a digitalização de todo o conjunto aerofotogramétrico da instituição, com o objetivo de disponibilizar os registros em seu site, para consulta online.

Além deste trabalho, o acervo aerofotogramétrico é alvo, no momento, de um projeto conduzido pela geógrafa Celina Pedroso, e que compreende o diagnóstico do material, com a organização e checagem de possíveis perdas de informação geográfica no seu conteúdo devido à ação do tempo, além da digitalização e da produção de um mapa índice, realizado com a utilização de um software de geoprocessamento e que terá, como base, uma planta do Estado de São Paulo. O objetivo é facilitar o trabalho de pesquisadores, em especial, de geógrafos, na consulta ao acervo de fotos aéreas da Fundação.




Para a produção de mapa-índice do Estado, equipe da Fundação trabalha
na composição de mosaicos a partir de diversos serviços aerofotogramétrios,
tal como o realizado na bacia do Alto Tietê em 1947.
Clique na imagem para visualizar uma imagem 360º





Aerofotos registram alterações na paisagem: na capital, imagem do
Rio Pinheiros em 1933 revela sinuosidade original do curso,
tendo às suas margens o Clube Gêrmania, atual Esporte Clube Pinheiros

Rede Museu da Energia


Museu da Energia de Itu participa da Jornada
do Patrimônio

No domingo, 20 de agosto, o Museu da Energia de Itu participa da Jornada do Patrimônio, evento promovido pela Secretaria de Cultura do Estado com o objetivo de incentivar a valorização do patrimônio das cidades paulistas por seus cidadãos.

Em Itu, o Museu da Energia integrará o roteiro turístico "Museus e Espaços Culturais", que propõe um passeio pelo centro histórico da cidade, das 10 às 16 horas, visitando locais como a Casa da Praça, o Museu da Música e o Museu Republicano "Convenção de Itu". Os participantes terão entrada gratuita e receberão um "passaporte cultural" que será carimbado em cada espaço visitado. Cada ponto estará sinalizado com banner do evento, e haverá um monitor para acompanhar a visita destacando aspectos particulares de cada bem cultural.





Museu da Energia será um dos pontos do Centro Histórico a integrar roteiro
de visita da Jornada do Patrimônio de Itu. Foto de Caio Mattos

Espaço das Águas


Museu da Energia de
Salesópolis recebe Circuito
Tela Verde

Até domingo, 20 de agosto, o Museu da Energia de Salesópolis recebe a Mostra Nacional de Produção Audiovisual "Circuito Tela Verde". Em sua 11ª edição, o projeto, promovido pelo Ministério do Meio Ambiente, apresentará uma seleção de 28 curtas-metragens e animações independentes que exploram a temática socioambiental.

O Museu da Energia exibirá produções que exploram temas como a biodiversidade e a relação desta com as comunidades tradicionais, desenvolvimento sustentável, água e desperdício de alimentos. Entre alguns deles, está a produção "Sustentabilidade na Vereda", da Rupestre Imagens, que apresenta um programa de conservação ambiental realizado no Rio Carinhanha, em Minas Gerais, junto às comunidades ribeirinhas. A programação é livre a todos os públicos e os documentários e animações serão exibidos, diariamente, das 10 às 15 horas, na sala Espaço das Águas.





Documentário sobre o Rio Carinhanha, em Minas Gerais, integra mostra no
Museu da Energia. Foto: Divulgação

Notícias


Imagens da Fundação
integram mostra inaugural
do SESC 24 de Maio

No sábado, 19 de agosto, o Serviço Social do Comércio - SESC inaugura sua mais nova unidade na Rua 24 de Maio, na Capital. Para a abertura, a unidade preparou uma exposição inédita que terá por tema a região central de São Paulo. Com curadoria de Paulo Herkenhoff, a mostra reúne inúmeros acervos públicos e privados, incluindo fotografias históricas da Fundação Energia e Saneamento.

Aberta até o final de novembro, a exposição dará aos visitantes um amplo cenário de realizações artísticas, imagens, representações cartográficas, planos urbanísticos, projetos arquitetônicos, documentações históricas, manifestações políticas e demais expressões culturais que compõem a diversidade de ocupações que o centro da Capital albergou ao longo de seus 463 anos.





Registro das ruas Direita e São Bento, em 1902, no Centro da Capital,
integra mostra inaugural do Sesc 24 de Maio


Plaza Shopping Itu recebe
exposição "Belle Époque
na Garoa"

Até o dia 31 de agosto, o Plaza Shopping de Itu sedia a exposição fotográfica "Belle Époque na Garoa: São Paulo entre a tradição e a modernidade". Produzida pela Fundação Energia e Saneamento, a mostra retrata os desdobramentos da chamada belle époque na capital paulista, com destaque para as transformações urbanas, sociais, políticas e culturais ocorridas na cidade no início do século 20.

O Plaza Shopping Itu fica na Avenida Doutor Ermelindo Maffei, 1.199, Itu - SP.






Mostra fica até o dia 31 de agosto no Plaza Shopping Itu. Foto: Divulgação


Corpo Editorial: 
Isabel Felix e Mariana de Andrade
Apoio à pesquisa: Bianca Grazini
Webdesign: Fernando de Sousa Lima
Copyright © 2017 Fundação Energia e Saneamento. Todos os direitos reservados.
As imagens sem identificação pertencem ao acervo da Fundação Energia e Saneamento.


Política Anti-SPAM: Em respeito a você, caso não queira mais receber nossas Mensagens
Eletrônicas clique aqui  e envie um e-mail com a palavra REMOVER.

Contato: imprensa@energiaesaneamento.org.br



Rede Museu da Energia
Espaço das Águas


@energiaesaeamento










This email was sent to *|EMAIL|*
why did I get this?    unsubscribe from this list    update subscription preferences
*|LIST:ADDRESSLINE|*

*|REWARDS|*
Fundação Energia e Saneamento Alameda Cleveland, 601 - Campos Elíseos - 01218-000 - São Paulo - Tel.: (11) 3224-1499 Desenvolvido por: Memoria Web